Viaje para Camboja. Saiba tudo sobre esse destino.

A simplicidade de Camboja é o que mais torna o lugar especial. Camboja sofreu por anos a guerra de Khmer Rouge e até hoje podemos sentir as consequências. Mesmo assim, nada tira o sorriso no rosto e a simpatia de cada um que vive por lá.

Camboja é um dos lugares mais únicos e diferentes do planeta e que vale a pena conhecer para quem deseja sair da rotina e conhecer coisas e hábitos diferentes.

Vamos lá te apresentar o Camboja

O que ver lá

Tem duas coisas que tornam Camboja especial: sua comida típica e deliciosa, e o famoso templo Angkor Wat. O templo fica na cidade de Siem Reap e possui cerca de 1.626.000 m2. Demora cerca de 5 dias para conhecê-lo completamente.

Como levou anos para construí-lo, durante o século 12, ele tem as influências das religiões hindu e budista em sua arqueologia. O templo é conhecido pelas grandes pedras, esculturas majestosas e as raízes das grandes árvores que sobrepõe todo o templo. A paisagem é mesmo exótica e única, vale a pena conhecer.

Desafios

Camboja é um país relativamente pequeno. Fica entre o Vietnam e Tailândia. Uma das regiões do sudeste asiático mais originais e mais remotas.

O país também é conhecido pela grande quantidade de crianças abandonadas nas ruas e nos orfanatos. Isso por conta da guerra comunista conhecida como Khmer Rouge entre o Vietnam e Camboja, que durou anos e matou mais de 2 milhões de cidadãos. Uma das guerras mais longas e sofridas da história, entre 1968 e 1993 que teve seu desfecho recentemente em 2014 com a prisão perpétua do líder Khmer Rouge.

Com isso as crianças e a população de Camboja são muito carentes, uma vez que muitos tiveram toda a sua família morta na guerra.

O Camboja é um país acolhedor, com um clima agradável e carente de ajuda.

Tours disponíveis

CULINÁRIA NA VILA KHMER
Visita acompanhada de um guia nativo por meio período, onde vai conhecer o estilo de vida de uma família Khmer e aprender como cozinhar o Noodles da Camboja além de tomar água de coco.
VISITA DE BARCO A CIDADE ANCENTRAL BARAY E A FLORESTA FLUTUANTE DE MECHREY
Um dia todo de imersão em lugares remotos de Camboja como a vila ancestral de Baray onde poucos tem acesso e a floresta flutuante de Mechrey. Vai conhecer a fundo a cultura e a fazenda do bicho de seda. Transporte, barco, tickets e água potável estão inclusos.
CHARRETE PELOS CAMPOS DE ARROZ
Guiado pelo guia local você vai conhecer de charrete as vilas ao redor de Siem Reap e as plantações de arroz, conhecer a cultura e como as pessoas vivem por lá. No final do tour irá apreciar o por do sol.
NOITE E JANTAR EM SIEM REAP AO ESTILO KHMER
Um noite agradável em Siem Reap com estilo Khmer. Assitar a um show de dança e tenha um jantar típico nativo. Transporte, show e comida estão inclusos.
VILA FLUTUANTE E APSARA SHOW

O dia todo para conhecer a fundo a cidade flutuante e no final disfrutar de um jantar Khmer e assistir o show de dança trandicional Apsara. Transporte, barco, almoço, show e jantar estão inclusos.

Comunidade

Viajantes Haporís têm uma área exclusiva onde, além de dicas e troca de experiências, podem escolher e comprar tours e até mais dias na ONG mesmo depois que estiverem lá.

Pontos turísticos

  • Angkor Wat
  • Toul Sleng Genocide
  • Battambang Temple
  • Floating Village
  • Cidade de Sihanoukville

Pra quem é

É o destino certo para quem gosta de templos religiosos e lugares que parecem cenário de filme. E também para quem gosta de provar sabores exóticos de uma culinária única.

Um dos pratos mais populares é o kuy teav, uma sopa de massa de arroz preparada com vegetais e carne de porco.

Hapôri Pass

Termômetro do Camboja

Usamos uma escala de 0% a 100% para 3 principais itens quando viajamos. Zero é o mais fácil e 100% o mais desafiador. Assim podemos recomendar o melhor destino pra você.

  • AVENTURA 50%
  • Saída da zona de conforto 60%
  • Choque cultural 90%
  • Total 67%

O que isso significa? [Legenda]

De 0% a 50% | Tranquilex

De 51% a 83% | Puxado mas você consegue

De 84% a 100% | Só para os fortes

Clima

Camboja é um país quente e úmido, com temperaturas em torno de 30º Celsius na maior parte do ano. As épocas de chuva intensa e possíveis alagamentos são de Junho a Novembro.

Comida

Os pratos cambojanos são deliciosos devido as felizes combinações de temperos, além de ser tudo natural. Tudo muito rico em leite de coco, Khmer curry e folhas de lima ou banana.

Alguns dos pratos típicos são o Peixe Amok e o kuy teav (sopa de massa de arroz com vegetais e carne de porco).

Mas como é?

O programa voluntariado Hapôri inclui comida, acomodação e transfer com diária a partir de R$135,20.

Transfer: Há duas opções.

  • Carro Ida e volta com guia local (2 – 4 pessoas)
  • Tuk Tuk Ida e volta Acompanhado de guia local (1 – 2 pessoas)

Sua casa: Casas tradicionais estilo Khmer de madeira, em torno de um ambiente verde e natural.

  • ACOMODAÇÃO | Quarto com banheiro, cama de casal e ventilador
  • 3 REFEIÇÕES | café da manhã, almoço e jantar
  • OPCIONAIS | Você pode optar por ter TV e Wi-fi no quarto.

O que levar na mala

Roupas bem leves porque além de calor é úmido lá.

Leve a menor quantidade de roupa possível. Se lavar em um dia, no outro já secou.

Leve um sapato confortável para você usar e que possa ser molhado e sujado com frequência.

Não leve mala de rodinhas. Você pode perder as rodinhas rs.

Wishlist (o que levar pra ONG)

Saiba como você pode ajudar a ONG clicando aqui.

O que trazer de Camboja

Lenços tradicionais Cambojanos (Kramas): são quadriculados e típicos da região.

Colares de pano de bolinha: também típicos de lá e você vai encontrar uma grande variedade de cores.

Jóias de Prata

Sarongs de Seda: São roupas típicas femininas, feitas pelas mulheres nativas, e você também pode comprar o tecido usado no Sarong.

Quer saber mais sobre o Camboja?

Não precisa abrir outra aba, eu te conto tudo aqui!

Dados gerais

O clima do Camboja é ótimo o que contribui na produção do principal produto agrícola, o arroz. Também é um atrativo para o turismo que vem ajudando muito na economia.

LÍNGUA FALADA: Khmer

CAPITAL: Phnom Penh

POPULAÇÃO: 15,5 milhões

MOEDA: KHR (Riel) VALE: R$ 1 = 1.289 Riel

RELIGIÃO: Budismo

FUSO HORÁRIO: +10 horas do Brasil e +9 horas no horário de verão

TOMADAS: Tipo A e B Voltagem 220v

CÓDIGO TELEFONE DDI: +855

Pra curtir

Calendário de festivais

“Khmer New Year (Chaul Chnam Thmey) | normalmente do dia 13 a 16 de abril e a população celebra com festas e rituais durante os 3 dias.

Pchum Ben Daya | é sempre no 15 dia do décimo mês no calendário Khmer que é gregoriano. Em 2017 acontece em setembro. É um festival religioso budista onde os monjes cantam mantras, fazem oferendas e rezam por respeito as suas 7 generações anteriores.

Water Festival | é uma celebração do final das épocas de chuva em Camboja e acontece no começo de novembro em Phnom Penh com muita iluminação, fogos, música, performances, barcos, entreterimento, dança e comida típica. A cidade fica lotada.”

Pra se virar por lá
  • Comida de rua: R$ 2,00 a R$ 4,00
  • Garrafa de cerveja: R$ 5,50
  • Camiseta Souvenir R$ 15,00
  • Jantar em restaurante: R$ 20
Pra ler no avião
  • “First They Killed My Father Loung Ung
  • Angkor: Cambodia’s Wondrous Khmer Temples Dawn Rooney
  • The Road of Lost Innocence: The True Story of a Cambodian Heroine Somaly Mam”

Vá sabendo

Em Camboja as crianças vão te pedir muito dinheiro na rua. Não se sinta mal por isso, é um retrato da cultura e aos poucos você vai se acostumar.

O tuk tuk é o melhor meio de locomoção por lá além da bicicleta.

Camboja é um país pequeno, simples e muito fácil de se virar. Os banheiros são em sua grande maioria no chão. Em inglês são os chamados “squat toilets”, então não se assuste. Levante a roupa ou abaixe a calça e faça as suas necessidades. O importante é sempre andar com um papel higiênco na mochila porque por lá eles têm o hábito de se lavar de torneira após o banheiro.